+ Valores na Administração

Administrando no Século XXI

Copenhague fracassou?

Posted by Sidnei em 30/01/2010

clip_image001Em dezembro passado, 192 países se reuniram em Copenhague, tentando criar bases de um tratado internacional para a redução das emissões dos gases de efeito estufa (GEE). Após dois anos de preparo e duas semanas de intensos debates e protestos, os maiores líderes mundiais da atualidade não conseguiram encontrar um ponto em comum para a resolução de estratégias ambientais.

Uma frustração mundial, esse foi o sentimento daqueles que por lá tiveram, noticiando e participando. As decisões foram adiadas por dois anos no máximo. O quanto esse tempo será representativo em nossas vidas e nas gerações futuras?

Olhando sobre outro aspecto, verifiquei que esse encontro internacional mostrou que a sociedade e organizações já enxergam o mundo de outra maneira. Mais de 30 mil pessoas estiveram presentes na Dinamarca discutindo soluções. A cobertura da imprensa mundial mostrou o que está acontecendo com o mundo e o que ainda poderá acontecer.

Posso resumir isso tudo em uma pequena grande palavra: SUSTENTABILIDADE. Um grande desafio nos espera. Os novos empreendimentos terão que aliar crescimento econômico com desenvolvimento ambiental e causa social. Só a previsão do crescimento econômico do Brasil é de 6%. Sabe qual a representatividade? Para cada 1% de crescimento na economia haverá criação de 400 mil empregos. Fazendo as contas, em 2010 teremos então 2,4 milhões de novos postos de trabalho. Imagine agora: produzir mais, porém, com menos água, menos resíduos, menos energia, menos carbono, menos…

Por isso a sustentabilidade será o grande fio de Ariadne deste século! As empresas brasileiras precisam ser sustentáveis, ou seja, que seus produtos e serviços não causem impacto negativo ao nosso planeta, que promovam uma maior inclusão social e que valorizem a vida.

A sustentabilidade está ligada à inovação em tecnologias que preservem a natureza. Diretamente o mercado de trabalho irá necessitar de profissionais criativos, empreendedores, aptos permanentemente as mudanças, pessoas com o grau de assertividade alto, disposição para aprender e reaprender. Por isso que o item “Sustentabilidade” deve fazer parte do plano estratégico de qualquer empresa.

Os produtos novos serão escolhidos por uma sociedade diferente que terá que ser também sustentável desenvolvendo novos hábitos de consumo.

Encerro com o dizer do Ronaldo Gusmão Coordenador Geral da Ecolatina: “Quando enxergamos a realidade com outro olhar, nosso pensamento é diferente. Se nosso pensamento for diferente, nossas escolhas serão outras e o mundo muda porque nossas ações foram outras.”

clip_image001

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: